Big Data para Melhorar o Ciclo de Investimento Imobiliário

Julia
Julia
Content @CasafariRE – property search for pros. Formerly fintech, international student exchange. Alum @ University of Latvia with a Master degree in Language Studies. In my free time I am practicing yoga, hiking, reading, travelling and learning about different cultures.
Share
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Este mês, uma das principais agências imobiliárias de luxo de Ibiza escreveu um artigo sobre como a Big Data ajuda os agentes imobiliários a tomar decisões mais rápidas e melhores. A Casafari concebeu uma plataforma para que os agentes possam aproveitar a utilização de dados no seu processo de transação. Veja a importância dos dados e como pode melhorar o ciclo de vida da sua carteira.

Melhoria no processo de decisão de um investimento imobiliário

É sabido  que o conhecimento e a compreensão do ciclo imobiliário e a sua interpretação eficaz é a chave para tomar melhores decisões com base em dados que podem poupar tempo e dinheiro. Quer se trate de uma compra privada ou de um investimento imobiliário, compreender as tendências do mercado e o ciclo de formação de preços é essencial. 

Até agora, os preços de imóveis e terrenos não eram acessíveis. A fragmentação dos dados não permitia ter uma perceção real. Hoje, isto mudou significativamente graças a Big Data, o que nos permite capturar e analisar uma grande quantidade de dados para descobrir progressos e padrões.

A evolução do mercado imobiliário é muito rápida e os ciclos têm-se desenvolvido a grande velocidade. Já não é importante olhar apenas para a “fotografia” do momento e depois tomar a decisão certa. É necessário analisar a mudança, a tendência e, acima de tudo, observar o movimento. É essencial ver todo o “vídeo” e não apenas a “fotografia” do momento.

Sempre foi dito que o mais importante durante a fase de investimento é escolher muito bem a localização da propriedade, como diz o famoso e repetido mantra: location, location, location… Agora, Big Data torna possível analisar informação mais dinâmica e complexa.

Para além da localização do imóvel, podemos agora observar as tendências do mercado, saber para onde se desloca e obter informações concretas. Permite-nos utilizar uma grande base de dados para tomar decisões estratégicas, e decidir se é o melhor momento para investir, em vez de tomar decisões baseadas em práticas e experiências passadas.

Uma análise cuidadosa de Big Data pode também ajudar-nos a identificar os clientes certos e a fornecer melhores serviços e mais personalizados, melhorando a exatidão dos e-mails ou mesmo as atividades de marketing em geral, reduzindo assim os custos comerciais.

Análise imobiliária

Como mencionado acima, Big Data está em expansão e a transformar a indústria, criando uma vasta gama de oportunidades para analisar os padrões de mercado e compreender se vale a pena investir numa propriedade. Ao selecionar uma propriedade ou terreno para venda, a localização, bairros, residências ou padrões de venda podem ser analisados, reduzindo o risco de comprar ou de um investimento imobiliário equivocado.

Big Data fornece a estimativa do valor de uma casa, comparando propriedades ou terrenos semelhantes numa determinada área. Mostra o padrão dos preços de venda, comparando as características da área, a casa da família, o valor atual e futuro da casa, as imagens da propriedade, as vistas (por exemplo, montanhas, cidade, mar), o número de quartos e outras características importantes.

Os desenvolvimentos de Big Data tornaram possível aos agentes imobiliários fornecer esta informação aos compradores, bem como compreender o que vende melhor e fazer crescer os seus negócios.Em suma, Big Data vem com uma grande promessa. A sua utilização traz muitos benefícios aos promotores imobiliários, tais como a capacidade de compreender o comportamento do cliente e detetar tendências e padrões no ciclo de investimento, bem como melhorar o serviço , o que reduz definitivamente as despesas comerciais e aperfeiçoa o processo de tomada de decisões.

Contudo, tirar o máximo proveito das análises, extrair e compreender as correlações e relações causais que estão contidas nos dados é um desafio. Em primeiro lugar, a má interpretação dos dados é bastante comum, uma vez que revela as ações e atividades que tiveram lugar, mas não se pode dizer porque é que elas aconteceram, pelo que os pressupostos levam a falsas correlações.

Uma das formas de colmatar a lacuna entre Big Data e as análises é incluir um humano. A tecnologia ainda não se encontra na fase em que possa analisar resultados e tomar decisões sem intervenção e julgamento humano.

Daily, we track 180.000+ property changes in Spain, Portugal, France, etc.

Be the first one to know about price changes, new and sold listings.
Paulo Fernandes, Diretor do CASAFARI CRM

CASAFARI CRM: Conheça o Plano Grátis

O CASAFARI CRM lançou uma nova versão pensada para todos os profissionais que gerem imóveis e clientes e querem, sobretudo, simplificar: o Plano Grátis. Um serviço de

Imagem da Freguesia do Beato

Guia da Zona em Destaque: Beato

“Up-and-coming” (em alta, promissor) é um termo dado a muitos bairros de Lisboa hoje em dia, mas o Beato é um dos que merece verdadeiramente o rótulo.